Pesquisar neste blogue

2011-07-17

5º Capitulo até ao fim

Quinto Capitulo –Decisões

Carina

Os meus pais arrastaram-me para fora de Konoha, ele ficou um pouco a olhar para mim mas quando os portões começaram a fechar-se ele enraiveceu-se e tentou correr até mim mas os guardas impediram-no.
Chorei, chorei e chorei… nunca pude imaginar que me apaixonaria assim desta forma quase de um momento para o outro, foi no momento que chorava por o Sasuke e ele me contou que também estava triste…
Seguia os meus pais pela sombra deles, a minha cabeça não tinha forças para se erguer e muito menos coragem para olhar para algum deles com a cara a escorrer de lágrimas.
Espero um dia voltar a vê-lo…

Naruto

Os guardas impediram-me de fazer o que estava certo, mas não queria desistir, estava longe de desistir!
Só depois de os portões se fecharem e deixar de a ver é que reparei que estava rodeado de gente que assistia aqueles pais cruéis. Após se fecharem a multidão começou a dispersar, fiquei a pensar numa maneira de a trazer de volta.
-Aquela era a tua namorada? –Perguntou o Shikamaru com a mesma cara aborrecida de sempre.
Eu nem sabia o que lhe responder, apenas segui o meu coração, quando ele me disse para a beijar… beijei, agora ele me está a dizer que tenho de a ajudar… mas não sei como… Não sei o que tive com ela, mas se ela me pedisse em namoro… eu aceitava, nem a conheço bem só sei o nome dela, que me deixa louco e que tem uns pais cruéis.
-Então, não sabes o que dizer? –Insistiu o Shikamaru. –Reparei numa coisa, ela não pode ser ninja, em primeiro porque não estava a usar nenhuma fita, e não deve pertencer a nenhuma das vilas ocultas, deve ser da cidade…
-O que estás para aí a dizer?!
Ele cruza os braços e fica silencioso por um tempo, até que me pergunta:
-Não a queres salvar?
-Quero!
-Esquece, se ela não é uma Kunoichi tão cedo não volta, nem se habituaria ao clima de um ninja!
Que grande lata! Eu a pensar que ele me ia ajudar e sai-se com aquilo!
A verdade é certa, o que eu posso fazer? Tenho mesmo que tentar! Vou salvá-la!
-O que pensas que vais fazer, Naruto? –Disse o Kakashi-sensei que até me assustou, parecia que me tinha lido o pensamento!
Eu continuei a olhar á minha volta á procura de uma solução.
-Naruto, não podes contrariar a decisão daqueles pais…
Irritei-me e disse:
-Não é justo!!! Ninguém merece isso!
-Naruto… Se te metes no caminho daqueles dois, ou eles matam-te a ti ou a ela, deixa-a ir.
Nunca pensei em fazer isto, mas acho que pela primeira vez vou obedecer ao Kakashi-sensei… Por mais que me custe, o que já vi foi duro e só de saber que eles podem fazer-lhe algum mal se eu me meto no caminho deles…
Se me meto no caminho deles? O que é que eles querem? Não estou a entender… Pensando melhor, não vou dar nas vistas mas quando sair em missão vou aproveitar para a procurar!
Eu não sou de desistir fácil!
Mas pela primeira vez, acho que estou a tomar a decisão certa…

Sakura

Eu e o Sasuke estávamos a lanchar juntos sentados num banco do parque.
Quando estava com ele, parecia que tudo á minha volta me dava uma oportunidade para sentir o seu calor.
Uma suave brisa andava pelo parque, era o suficiente para me deixar a tremer e me aconchegar a ele.
Quanto mais frio tinha, mais me chegava a ele. Tinha o meu braço agarrado no dele, o quentinho do corpo dele derretia-me toda.
Cheguei-me um pouco mais para ele e desta vez ele olha para mim nos olhos, não disse nada, apenas chegou os seus lábios aos meus e beijámo-nos. Cada beijo que me dava tinha algo de diferente, sempre algo novo e bom que me deliciava, era melhor que lamber um gelado…
Ele acaricia a minha cara com a sua mão que incrivelmente estava quente.
Eu também queria sentir a face dele com as minhas mãos, mas tinha-as geladas e tinha receio de ele não gostar… Então ele agarra o meu pulso e encosta a minha mão á sua cara.
O beijo era interminável, quanto mais delicioso era mais eu queria…
Ele retira os seus lábios dos meus, e sem afastar a sua cara, cola a sua testa na minha e olhámo-nos nos olhos tão aproximadamente como nunca.
Fechei os olhos e sinto novamente uma sensação fantástica, estávamos a beijar-nos novamente…
Ele era magnifico, nada me fazia tirar o Sasuke da minha mente e do meu coração.

4 comentários:

  1. Visita» http://animes-da-tay.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  2. Gosto muito da tua fanfiction.

    Beijo.

    ResponderEliminar
  3. visitem -> http://narutosuperworld.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  4. anónimo, o teu blog tá vazio ainda, mas gostei do cabeçalho^^

    Kisses

    ResponderEliminar

Ao comentar estás a ajudar este blog, é um pequeno gesto que dá mais vida ao blog e com certeza me deixará feliz! :)

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...