Pesquisar neste blogue

2011-08-29

19º Capitulo até ao fim

Décimo nono capitulo – Batalha inesperada

Ina

Era de manhã, eu e a Sawaii estávamos ainda no esconderijo da Akatsuki.
Começa-se a ouvir alguém a correr até nós, era a Konan.
-O Pein mandou evacuar o esconderijo! Parece que descubriram a localização e vamos ter de preparar um ataque.
-Quem descobriu? –Perguntei mesmo sabendo.
-Foi Konoha.
Pois… Fui eu e a Sawaii! Faz parte da missão.
-Ele quer que dispersem, saiam em duplas.
Antes de tudo atei o cabelo e coloquei um chapéu (como se usa na akatsuki).
Saímos e ficámos a um quilómetro do esconderijo em direção de Konoha.
-Sawaii… Será que eles sabem que fomos nós?
-Não sei, isto está a ficar arriscado!
Ficámos a ver se alguém de Konoha prosseguia para atacar.
_ _ _

Começa-mos a ouvir uns passos, a Sawaii puxou-me para baixo fazendo com que ficássemos as duas agachadas.
Espreitei pelos ramos do arbusto mas não dava para ver bem.
-Sawaii, consegues ver daí?
Ela abanou a cabeça. Mexi o pé e calquei um ramo que estalou.
Que asneira! Eles pararam de caminhar.
Senti um arrepio nas costas, significa que alguém está atrás de mim.
Peguei disfarçadamente numa kunai e olhei para trás.
-O quê???–Gritei já quase a espeta-lhe a Kunai.
Era o Kakashi-sensei, mas pelos vistos não me reconheceu com o chapéu.
Ele agarrou-me pelo pescoço e empurrou-me contra a árvore. Olhei sempre para o chão e a segurar o chapéu para não me reconhecerem.
Começou a doer e atirei-o para trás como quando enxuto as moscas.
-Sawaii! –Chamei com um tom de voz diferente.
Ela veio até mim, e fiz uma técnica de ilusão para que ninguém nos consiga ver.
-E agora? Dizemos ao Kakashi-sensei da missão? –Perguntou.
-Não, mas ele já deve saber!  Acho que a melhor forma de os proteger é não dizer nada, sabe-se lá se estamos a ser vigiadas…
-Estás a falar em plural?
-Olha ao teu redor… -Retirei o Jutso. –A equipa 7 pensa que nos cercou, entendes?
De repente todos os membros da akatsuki aparecem á nossa volta.
-Deviam ter nos avisado que eles estavam aqui! –Disse a Konan.
Cada vez mais achava que ela era a porta voz do Pein.
-Não tivemos tempo. –Respondeu a Sawaii.
Senti que não era só a equipa 7 que estava cá.
Olhei bem em redor e descobri a equipa 8.
Ótimo, ao contrário!
As duas equipas começaram a cercar-nos, estavam á nossa volta.
-Isto assim não tem graça! –Disse Kisame desembrulhando a espada. –Quem é o primeiro?
Eles podiam atacar a qualquer momento, pela organização deles entendi que cada um ia seguir em linha reta para nos atacar, por isso quem me vai atacar pode vir de qualquer lado já que estou mesmo no meio dos membros da akatsuki.
Ouviu-se um estalido e começaram a sair aos poucos das posições e começaram a atacar.
Para melhorar a situação, era a Hinata que corria para me atacar, e o Naruto ia atacar a Sawaii.
A Sawaii estava de costas, não sabia que estava prestes a ser atacada.
Segurei o chapéu e protegi a Sawaii milésimas de segundos antes de levar com o Rasengan nas costas.
Dei-lhe um murro na cara e espetou-me o rasengan na barriga.
Ele caiu para trás de costas e pensei “esta foi por o que me fizeste!”.
Quando me atacou com o rasengan fui empurrada para trás fortemente e deitei a Sawaii ao chão e caí em cima das costas dela.
Ele alevantou-se e mudou de planos, começou a atacar-me.
“O que é que vou fazer agora?”, “O disfarce não vai aguentar muito mais tempo, nem a missão!”
Comecei a perder a concentração toda, já não me apercebia de nada á minha volta.
Ele começou a correr com dois clones e cada um com uma kunai.
Alguém deu-me um murro forte nas costas e atirou-me uns metros para a frente.
Pensei que ia cair no chão e fechei os olhos, mas senti as minhas mãos nos ombros dele e a minha testa na dele.
Caímos para trás, os clones desapareceram e o chapéu caiu-me para o lado.
Com a minha testa colada na dele ainda só me tinha visto os olhos, quando afastei a cabeça ele ficou de olhos arregalados.
Ele não falou nada e olhar nos olhos dele fez-me chorar. Estava estendida em cima dele e as minhas lágrimas caíram na face dele, passei a minha mão na cara dele para limpar-lhe as lágrimas. Ainda estava sem reação.
Alevantei-me e limpei as lágrimas.
Peguei no chapéu e fui para longe da batalha.
Ele correu atrás de mim e agarrou-me na mão para me parar de correr.
-Ei! Aonde vais? –Perguntou-me com ar sério.
-A minha missão acabou, tenho de voltar para Konoha.
Agarrou na outra mão e olhou-me com aquele olhar matador.
-Nem penses nisso! –Berrei. –Andas-te aos beijos com a Hinata e agora queres mais?
-Nada disso… O quê?!? –Só se apercebeu algum tempo depois do que eu disse. –Beijos com a Hinata?
-Sim! Eu a ir-me embora e tu aos beijos com ela! Não te lembras?
Ele pensou um bocado.
-Foi ela que me beijou.
-Mas não interessa! Lembras-te ao menos do que me fizeste nesse dia?
Ele até tinha ar de inocente.
-Na piscina?
-Sim!
-Vou ter mesmo de explicar-te tudo?
-Vais!
-A Sakura já me falou sobre isso na altura e disse que eu fiz mal… Aquele Lee!!!
-Lee?
-Ele deu-me uns conselhos… Que eu segui direitinho…
-Já percebi… Já percebi!
Agarrou-me novamente nas mãos e deu-me um beijo.
-Desinfetas-te a boca? –Perguntei na brincadeira.
-Estás a gozar?
-Estou!
Ele abraçou-me e disse:
-Pensei que te tinha perdido para sempre!

4 comentários:

  1. Que fofinho, não quero que isto acabe xD

    ResponderEliminar
  2. Não estou a ter ideias para uma fanfiction, talvez tenhas sorte ^^

    ResponderEliminar
  3. este foi um dos melhores capitulos que li! Fez me chora T.T

    ResponderEliminar
  4. Olha tens um desafio no meu bloguinho depois vai lá ver >.<

    http://osuwarii.blogspot.com/2011/08/mais-um-desafio.html

    Beijinhos

    ResponderEliminar

Ao comentar estás a ajudar este blog, é um pequeno gesto que dá mais vida ao blog e com certeza me deixará feliz! :)

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...